M

Macroeconomia – Termo utilizado na literatura económica moderna para definir uma abordagem da análise económica desenvolvida com base no estudo de quantidades globais ou de agregados

Mais-valia – Diferença positiva entre o preço de venda de um activo e o seu preço de compra. Quando essa diferença é negativa, designa-se por menos-valia

Margem de contribuição – Valor das vendas líquido dos custos variáveis

Margem de segurança de tesouraria – Número de dias que uma empresa consegue financiar a sua actividade operacional sem recorrer a recebimentos adicionais

Margens – Montante de garantias exigidas pela câmara de compensação, que têm por função a cobertura dos riscos que esta assume ao garantir o cumprimento dos contratos

Mark to Market – Contabilização dos activos em carteira a preços actuais de mercado, e não a preços de reembolso

Market Maker – Membro dos mercados de futuros e opções que tem por função específica assegurar liquidez para os contratos relativamente aos quais se compromete a actuar nessa qualidade

Market Maker de Warrants – Entidade emitente que, em qualquer altura, negoceia Warrants, estando disposto a comprar ao preço de compra (bid) e a vender ao preço de venda (ask). A diferença entre o bid e o ask é designada de Margem (spread)

Market Outperform – Recomendação dada pelos analistas a uma acção que se espera venha a registar uma performance superior à do mercado

Market Perform – Recomendação dada pelos analistas a uma acção que se espera venha a registar uma performance idêntica à do mercado

Market Underperform – Recomendação dada pelos analistas a uma acção que esperam venha a registar uma performance abaixo do mercado

Maturidade – Prazo de vencimento ou amortização de um título ou de um derivado

MBI (Management buy-in) – Tomada do controlo de uma empresa, através da aquisição de acções da mesma, por parte de uma nova gestão apoiada num conjunto de investidores fora da estrutura accionista no momento anterior à operação. O MBI nasce da convicção, por parte dos seus promotores, de que a gestão e os resultados da empresa-alvo podem ser substancialmente melhorados

MBO (Management buy-out) – Tomada do controlo de uma empresa, através da compra de um número significativo das suas acções, por parte de um grupo de gestores da própria empresa. Normalmente, o financiamento da operação de aquisição é essencialmente realizado com capitais alheios. O MBO resulta do pressuposto de que a empresa será gerida com maior eficiência com a nova situação accionista

Médio prazo – O conceito de médio prazo é atribuído, na generalidade, a um prazo que medeia entre um e três anos

Média Móvel – Fórmula matemática que permite alisar ou eliminar as flutuações nas cotações e volumes das acções, fazendo com que que haja menos “ruído” na interpretação diária dos dados. A média móvel mostra assim de forma mais perceptível o sentido da tendência de uma

Meios monetários – Meios líquidos de pagamento que servem para a realização de trocas comerciais; dinheiro; notas e moedas

Membro compensador – Membro do mercado de futuros cujas funções consistem na liquidação e compensação das operações naquele realizadas. Em vários mercados, podem igualmente exercer funções de negociação

Membro negociador – Membro dos mercados de derivados cuja função consiste na realização de operações por conta própria e/ou de terceiros

Mercado à vista (a contado ou Spot) – Mercado no qual as transacções são concretizadas no pressuposto da sua imediata ou quase imediata liquidação

Mercado de balcão (OTC – Over The Counter) – Mercado aberto para títulos não cotados em Bolsa, permitindo às empresas de menor dimensão, a transacção dos seus títulos a custos substancialmente inferiores. Diz-se que um título foi transaccionado no mercado de balcão, quando é transaccionado fora da bolsa de valores. Não é, portanto, um mercado organizado onde se faz o encontro entre a procura e a oferta, mas sim um conjunto de encontros particulares. É um mercado virtual, dado que todas as transacções são feitas apenas por telefone ou informaticamente

Mercado de capitais – Mercado financeiro de títulos de médio e longo prazo

Mercado eficiente – Mercado em que toda a nova informação é imediatamente incorporada nos preços dos activos transaccionados

Mercado Monetário Interbancário (MMI) – Mercado informal entre bancos que realizam entre si operações à vista e a prazo (geralmente curto prazo). Os bancos com liquidez excedentária momentânea cedem fundos a uma taxa a acordar aos bancos que se encontram em situação inversa

Mercado organizado – Diz-se que uma transacção é efectuada num mercado organizado quando é feita numa bolsa de valores oficial

Mercado primário – Mercado destinado à emissão e colocação de novos valores mobiliários, no mercado de capitais. O mercado diz-se primário quando o produto da venda reverte a favor da entidade emitente

Mercado secundário – Mercado onde se transaccionam entre investidores particulares e institucionais os valores mobiliários criados no mercado primário. Integram o mercado secundário, os mercados de bolsa, o mercado de balcão e os mercados especiais

Microeconomia – Termo utilizado na literatura económica para caracterizar a abordagem da análise económica baseada no estudo do comportamento das unidades individuais (empresa, consumidor, etc.)

Modelo Black-Scholes – Modelo matemático desenvolvido em 1973, pelos professores Black e Scholes, para cálculo do preço de uma opção ou warrant. Foi-lhes atribuído o Prémio Nobel da Economia em 1997, como reconhecimento pelo seu trabalho na área da avaliação de opções

Momento do Mercado – Serve para designar o momento em que se deve tomar a decisão de sair totalmente do mercado durante um declínio económico ou de investir quando de dá a recuperação da economia

Monopólio – Situação de mercado em que existe apenas um produtor para um determinado bem ou serviço, assegurando portanto uma situação dominante na comercialização desse mesmo bem ou serviço